Benefícios da Musculação: Densidade Óssea | Run Fitness Club

Benefícios da Musculação: Densidade Óssea

Você, nos seus 20, 30 ou 40 anos de idade, talvez nunca tenha se preocupado com isso. Na verdade, é provável que você nunca ouviu que isso pode ser um problema no seu futuro, mas é: a densidade óssea importa demais na sua vida, principalmente no futuro.

E para cuidar dela, você precisa se mexer.

Densidade óssea e a musculação

Por que a densidade óssea é tão importante para seu corpo?

Conforme envelhecemos, nosso corpo perde as propriedades que um dia teve. Vigor, fôlego, força, entre outros, são parte de um pacote de potencialidades que vão se esvaindo a cada ano.

A densidade óssea é uma dessa propriedades.

Importantíssima para medir o nível da sua estrutura óssea, cada vez mais médicos e profissionais da saúde do corpo alertam para que as pessoas se atentem a ela.

Isso porque, caso sua densidade óssea seja baixa, você estará mais suscetível à lesões, fraturas e doenças como a osteoporose.

Como aumentar a densidade óssea?

A melhor solução conhecida são os exercícios físicos. Dependendo do diagnóstico dado pelo seu médico, são vários os cenários no qual você pode suar a camisa para manter sua densidade óssea boa e a estrutura do seu corpo firme.

A musculação é excepcionalmente boa pois, sua prática estimula as células que produzem o osso e, de certa forma, bloqueia aquelas células malignas a ele. Assim, é perfeita para conseguir um bom e saudável balanço muscular e o progressivo aumento da densidade óssea.

A musculatura gerada no treino também é de grande ajuda no fortalecimento do corpo. Conforme o músculo cresce e se fortalece, em caso de alguma lesão, ele pode servir como proteção ao osso, recebendo e dissipando o impacto nas fibras e não no osso.

Outra vantagem da musculação no processo de aumento da densidade óssea: sua prática promove maior fixação de cálcio nos ossos. Isso não só fortalece sua estrutura como prova ser uma prevenção efetiva para a osteoporose.

Quando você deve se preocupar com seu nível de densidade óssea?

Na verdade, a preocupação deve ser constante.

Renegar os cuidados agora pode ser de grande incômodo no futuro, principalmente na sua velhice, quando o corpo e o ambiente mais exigem da sua estrutura óssea e musculatura.

Estimulá-las com exercícios constantes, não se deixar cair no sedentarismo (que afeta muito sua densidade óssea) e procurar uma vida equilibrada são as chaves para evitar problemas nos seus ossos, músculos, doenças como a osteoporose e outras limitações quando você atingir a terceira idade.

O risco para as mulheres

Falando nisso, não podemos deixar de estender o alerta às mulheres: por conta das transformações do corpo feminino ao passar pela menopausa, é mais comum que elas tenham problemas relacionados à estrutura óssea que os homens.

Por isso, todo cuidado é bem-vindo.

Se a musculação não é seu forte, tente uma corrida leve ou mesmo uma caminhada. Os músculos trabalhados nesses tipos de exercícios já fornecem uma bela proteção aos seus ossos, músculos e corpo. Agora e, principalmente, no futuro.

Para finalizar, é bom ter em mente que a diminuição da densidade óssea pode ser causada por outras doenças ortopédicas, que podem impedir você de realizar algumas atividades físicas. Por isso, reforçamos o pedido, consulte-se com seu médico e tenha em mente os exercícios que você pode realizar com segurança.

Se quiser ficar ligado em mais notícias e novidades do mundo fitness e da academia Run, é só ficar de olho em nosso blog e também nas atualizações do nosso Facebook!

Deixe um comentário

Open chat
1
Seja bem-vindo, podemos ajudar?
Powered by