Os efeitos colaterais do uso da tecnologia na saúde

Os efeitos colaterais do uso da tecnologia na saúde

Você já dominou a arte de enviar mensagens de texto, e-mails e navegar na internet tanto pelo seu computador quanto no seu smartphone. Mas devido a evolução digital o impacto do uso da tecnologia na saúde é relevante e precisa ser conhecido.

Separamos neste post os principais impactos e como se prevenir deles.

Os efeitos colaterais do uso da tecnologia na saúde

Os impactos da tecnologia na saúde

Dores nas mãos

Os movimentos repetitivos de digitação podem causar dores nas mãos devido ao desgaste da cartilagem nas articulações. Um fato relevante é que o uso de celulares e computadores não provocam o desgaste, mas podem aumentar a probabilidade de dores caso você seja propenso a isso.

Usar os polegares em excesso para digitar no smartphone é um clássico exemplo das implicações da tecnologia na saúde. Essa prática tão comum, pode gerar uma tensão nos tendões que vão do punho até o polegar. Consequentemente, dores que abrangem do polegar ao pulso e podem surgir gradual ou subitamente e subir até o antebraço.

Assim como pressionar os botões de um teclado com muita força pode provocar inflamações em volta dos tendões causando dores ao dobrar os dedos.

Dormências e formigamentos

Digitar no teclado do seu computador ou notebook não implica necessariamente em uma compressão do nervo mediano localizado no pulso. Porém, Dra Rozental do Centro de Medicina de Havard, afirma que os sintomas da síndrome do túnel de carpo, podem surgir. Os sintomas principais desta doença são dor, formigamento e dormência nos dedos.

Inclinar-se sobre os cotovelos pode piorar a situação, já que esta posição comprime mais o nervo.

Dores nas costas e no pescoço

Olhar para o computador ou smartphone por longos períodos de tempo são um dos principais causadores de dores nas costas e no pescoço por conta do uso da tecnologia. Nesta posição seus músculos, ligamentos e tendões desta região são esticados e tensionados.

A má postura somada à quantidade de tempo que se permanece nela são os fatores da geração de dor. Mas, mesmo que essa dor seja temporária e não cause problemas permanentes nas costas e no pescoço, os nervos da base do crânio são comprimidos causando dores de cabeça.

Além disso, por passarmos maior parte dos nossos dias em frente a telas e nos mantendo conectados, seja para trabalho ou diversão, essa má postura frequente pode se tornar um fator para diversos problemas posturais.

Prevenindo os impactos…

…nas costas e no pescoço

Para diminuir os impactos do uso da tecnologia na saúde, é preciso fazer ajustes. Por isso, ajuste a altura do monitor do seu computador, elevando-o para que fique na altura dos seus olhos. Faça o mesmo para os dispositivos móveis. Aqui o princípio básico é ‘o aparelho se ajusta à sua postura e posição, não o contrário’.

Além disso, faça pausas frequentes e fique atento. Quando perceber que sua postura está começando a te causar desconforto, note como você está e adapte o dispositivo para não sofrer as consequências do uso da tecnologia na saúde.

…nas mãos e nos punhos

Não importa o momento, suas mãos e punhos estão sempre em ação. Então, para prevenir-se do uso da tecnologia na saúde faça alongamentos. Além disso modifique a maneira como usa os dispositivos eletrônicos. Digitar com os polegares tem te causado dor? Porque não usar uma caneta para smatphones, ou o comando de voz do seu celular.

Se você já sofre com dores no túnel de carpo, certifique-se que sua postura esteja correta. Mantenha os antebraços paralelos ao chão, para que seus pulsos fiquem retos e alinhados e seus cotovelos relaxados e dobrados em um ângulo de 90º. Usar o mouse vertical também contribui para colocar a mão em posição mais neutra.

Acompanhe nosso blog e fique por dentro sobre como manter uma vida mais saudável e feliz!